POVO TUXÁ-ALDEIA MÃE REALIZA 3ª FEIRA CULTURAL PARA CELEBRAR O ABRIL INDÍGENA

Por: Jandair Ribeiro e Tayra Jurum – 17 de Abril de 2017

Dia 25 de Abril de 2017 foi um dia memorável para o Colégio Estadual Indígena Capitão Francisco de Rodelas, mais de 2 mil pessoas visitaram a FEIRA CULTURAL COM O TEMA: POVO TUXÁ E O VELHO CHICO: MERGULHANDO NAS ÁGUAS DA RESISTÊNCIA. Todas as edições da feira cultural que já é uma atividade tradicional do colégio estão sendo acompanhadas por diretores, professores, alunos e autoridades da cidade de Rodelas que fazem questão de transmitir para os outros e avaliar de forma positiva o trabalho e o empenho da equipe escolar indígena que vem a cada ano se superando e demonstrando sua força de trabalho e articulação em equipe.

A comunidade Tuxá de Rodelas está feliz por ter compartilhado um pouco da riqueza da cultura dos povos ribeirinhos e também de poder dividir com todos os que visitaram que nos visitaram, essa infinidade de conhecimentos e saberes necessários para toda e qualquer sociedade que pretende viver de forma pacífica com suas histórias, memórias, tradições e identidades focadas em um mundo melhor para todos.

POR QUE VALE A PENA...

Hoje dezenas de visitantes que foram prestigiar a 3º Feira Cultural do Colégio Capitão Francisco Rodelas na Comunidade Tuxá-Aldeia Mãe me perguntou o que nos leva a fazer tanta coisa linda, naquele momento entendi que ela me perguntava sobre o que menos o que nos motivava a tamanha dedicação, e me atrevi a responder pela comunidade escolar dizendo “é o amor” uma expressão um tanto clichê, mas verdadeira. Outra visitante que vinha logo atrás me disse que eu não poderia ter dado uma resposta melhor. Mas eu poderia...

Eu poderia dizer “por que vale a pena!”

Vamos a nossa escola como uma grande ferramenta de luta para transformar nossa realidade. É nesse espaço, tido por nós como mais um espaço de aprendizagem em nossa comunidade, que buscamos valorizar os saberes ancestrais do nosso Povo. Fortalecer nossa identidade coletiva cultivando em nossos alunos um sentimento de pertencimento étnico que nos motiva a lutar pelo bem viver da coletividade.

Juntos, somo mais forte! Não devemos nos acomodar nem aceitar escolar! Só conseguimos o que é nosso por direito com muita luta! Podemos ser o que quisermos sem perder nossa identidade! Precisamos conhecer a história do nosso povo para entender por que ainda resistimos e sempre buscamos manter nossas especificidades!

Respeite os espíritos da natureza! Proteja a mãe Terra! Lute por seu território! Nossos anciãos são quem sabe mais! Essas “lições” transmitidas por nossos ancestrais e que buscamos ressignificar em nossas salas de aulas. São lideranças que queremos formar! E ISSO NÃO É FÁCIL NA SOCIEDADE QUE VIVEMOS.

Somos Educadores indígenas e buscamos fazer o melhor – recebendo menos e trabalhando muito por horas mais – “Por que vale a pena”.

A vivência proporcionada aos nossos alunos na construção e finalização da nossa 3ª Feira Cultural 2017, intitulada o Povo Tuxá e o Velho Chico mergulhando nas águas da resistência nos faz acreditar ainda mais nisso.

É muito bom está em casa!

Parabéns a todos da comunidade Escolar Tuxá Aldeia Mãe.

Fale conosco

Opará - Centro de Pesquisa
 

Rua do Bom Conselho, 179

Bairro: CHESF

Vizinho a APAE
oparauneb8@gmail.com

Tel: 75 3281 7356 ou 6585 (Central)

Ramal: 230
 

Por favor preencha o formulário abaixo
e entraremos em contato em breve:
IMG-20170427-WA0028